28/10/2019

Polícia Militar de Cosmópolis passa a ter novo comandante

Capitão fala da importância da polícia comunitária; Capitão Aguinaldo comanda Artur Nogueira, Cosmópolis e Engenheiro Coelho

Da redação

A 3ª Companhia do 19º Batalhão de Polícia Militar do Interior (19º BPM/I), que atua no patrulhamento de segurança de Cosmópolis, tem agora um novo comandante. Benedito Aguinaldo Martins é capitão da PM, e desde a última segunda-feira (21), comanda a Polícia Militar das três cidades que compõe a 3ª Cia: Artur Nogueira, Cosmópolis (sede) e Engenheiro Coelho (SP).

O PM é natural da cidade de Limeira (SP), onde lá foi comandante de uma companhia policial. É formado pela Academia Militar do Barro Branco (em São Paulo), que é a escola de oficiais da polícia paulista. Depois de formado, trabalhou em Campinas (SP), São Paulo (SP), no entanto, passou a maior parte de seu tempo profissional na cidade limeirense, sempre no setor de inteligência.

Durante a entrevista, com a presença do presidente do Conselho Comunitário de Segurança Pública (Conseg) Helvécio Camargo, o capitão fala dos desafios da profissão e de se comandar três cidades, além de expressar que é a favor do trabalho da Polícia Militar em conjunto com a comunidade, no auxílio no combate de crimes.

Questionado sobre o trabalho que exercerá, o capitão disse que cada cidade que compõe tem sua peculiaridade. E que ele, ‘não tem medo de trabalhar’. “É meu terceiro dia que estou aqui. Estou me ambientando ainda. É um efetivo diferente, instalações diferentes, cidades diferentes, problemas diferentes. O que temos que deixar claro é um seguinte: cada localidade tem sua peculiaridade. […] Uma coisa que posso falar, à toda população local, é que não tenho preguiça de trabalhar, nós vamos trabalhar bastante”, garante.

O novo comandante elogiou o trabalho do seu antecessor, Capitão Júlio César, que comandou a Terceira Companhia da Polícia Militar. “Na aferição de três indicadores [homicídio, roubo e subtração de veículos], a Terceira Cia, percebe-se que mês à mês vem fechando no verde. Seria o ideal para a Secretaria [Estadual de Segurança Pública]e a partir deste pressuposto, significa que o trabalho desenvolvido pelo capitão Júlio vem dando certo”, diz o capitão em relação aos três municípios que compõe a Companhia da PM.

Capitão Julio Cesar, antecessor de Benedito Aguinaldo Martins

O capitão alega ainda que a parceria entre a comunidade e a Polícia Militar sempre dão bons frutos. Além da boa relação entre a PM, as Guardas Municipais, Polícia Civil e o Conselho Comunitário de Segurança Pública, Conseg, que segundo ele, podem ajudar na resolução de crimes, bem como na prevenção deles.

Indagado sobre os índices e a sensação de segurança que podem destoar um do outro, o Capitão Aguinaldo diz que também trabalhará para diminuir a sensação de insegurança e combaterá os problemas pontuais que a população reclamar

“As vezes o problema de uma população de um determinado lugar, ela não quer saber se o índice está verde, vermelho ou laranja, ela quer saber daquele problema pontual do qual está sofrendo. Dentro deste pressuposto, é importante as pessoas se engajarem nestes programas como o Conseg, Vizinhança Solidária… Pois a população passa a trazer para nós, por meio do Conseg, para nós Polícia, estes problemas que eu não consigo enxergar. Mas são problemas que afligem diretamente a pessoa que está em determinada localidade”, diz o novo comandante.

Com relação as cidades que estão sob jurisdição da Terceira Companhia da Polícia Militar (Cosmópolis, Artur Nogueira e Engenheiro Coelho), Aguinaldo diz que vai se inteirar dos principais problemas criminais que as norteiam a fim de manter o trabalho de seu antecessor e “potencializar ainda mais”.

Artur Nogueira é a principal, das três cidades, onde muitos eventos com grandes públicos são realizados. O carnaval de Artur Nogueira, há alguns anos, se tornou um evento fechado com entrada controladas de foliões e segurança com presença de policiais militares e guardas municipais.

Indagado sobre a manutenção deste modelo, o capitão é enfático em dizer que não mudará a forma de segurança adotada na cidade. “Não sou eu quem vai mudar estas características locais, né? Isso aí já tá ali de modo arraigado na cidade, não sou eu quem vai mudar, né? Só temos que discutir com o Executivo Local um planejamento, mesmo que básico, para ter a festa, e da mesma maneira ter um policiamento reforçado. Para a população de Artur Nogueira, não vou acabar com a festa”, termina sua fala sorrindo.

…………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique AQUI e envie para o Portal Cosmopolense.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.