20/08/2019

Cinema em Cosmópolis recebe centenas de pessoas na estreia do filme de Edir Macedo

O filme conta a história do líder religioso e mostra polêmicas e tragédias da Igreja Universal

Henrique Oliveira

A história de um dos mais polêmicos e investigados líderes religiosos do Brasil, voltou à tela dos cinemas nesta última semana. ‘Nada a Perder 2’ continua a contar a história do líder da Igreja Universal do Reino de Deus, bispo Edir Macedo, a partir de um dos maiores escândalos que a igreja se envolveu: o caso do pastor que chutou uma imagem de Nossa Senhora Aparecida, que para os católicos é a padroeira do Brasil, em um programa na madrugada da Rede Record em 12 de outubro de 1995.

Imagem: Divulgação

O filme dirigido pelo diretor Alexandre Avancini, mostra os problemas que Macedo enfrentou após comprar a TV Record de São Paulo e de um desabamento do teto de um templo da igreja em Osasco (SP) em 1998. Nesta tragédia, 23 pessoas morreram e quase 500 ficaram feridas.

No primeiro filme de Macedo, foi contada a história espiritual do bispo que ficou famoso quando realizava curas e também tinha programas religiosos nas madrugas em diversas emissoras de televisão, até adquirir a Record de Silvio Santos e da família de Paulo Machado de Carvalho.

Centenas de pessoas foram até a rede de cinema cosmopolense, ‘CineMania’, para assistir a segunda parte da história de Edir Macedo, que é uma adaptação do livro homônimo do ex-diretor de jornalismo da Record (hoje na CNN Brasil), Douglas Tavolaro.

Crianças, idosos e jovens compareceram ao cinema para ver a história de Macedo. Após assistir o filme, alguns fiéis da igreja disseram que se emocionaram com a história do bispo religioso e que se surpreenderam com o dinamismo das conquistas do líder que hoje preside uma das maiores igrejas neopentecostais do Brasil.

Assista ao vídeo:

……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique AQUI e envie para o Portal Cosmopolense.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.